sábado, 6 de novembro de 2010

Comentário a 'Beijo Gelado'

A JoanaNeves, que faz parte da equipa deste blogue, tem também um blogue só seu, onde publica as suas opiniões e alguns lançamentos de livros.
Podem aceder à sua página, clicando aqui!
Agora, o seu comentário a 'Beijo Gelado', o segundo livro da colecção de Richelle Mead.

Comentário:

As duas amigas inseparáveis e com uma lição superior a qualquer outra que tenha existido estão de volta com as suas peripécias tanto amorosas como relacionadas com os temíveis Strigoi.
Neste segundo volume, depois do sucedido no anterior, Rose ainda se sente atraída por Dimitri e isso revela-se um pouco incomodativo durante os seus treinos, principalmente depois de saber que o sentimento é correspondido. Contudo, tudo muda quando a sua mãe, a mulher ausente que nunca se preocupou com a filha, lhe diz que Dimitri certamente irá ser o guardião da tia de Christian, o namorado de Lissa, e que até há a possibilidade de eles serem mesmo um casal podendo o seu amado guerreiro Dhampir ser pai dos filhos de outra mulher. Isso, como seria óbvio, deixou-a muito em baixo e fê-la dirigir um pouco as atenções para o seu amigo Mason, que sempre esteve interessado nela.
Apesar de não se tratar do homem que verdadeiramente ama, o seu velho colega e amigo torna-se uma distracção nos tempos negros que atravessam a existência tanto de Morois, como de Dhampir. Passo a explicar: algumas famílias da realeza andam a aparecer assassinadas brutalmente pela mão de um grupo de Strigoi, possivelmente com o auxílio de humanos, o que leva Rose a ficar em alerta em relação à sua melhor amiga que agora anda nas nuvens com o seu relacionamento com Christian, estando cada vez menos com Rose.
Como consequência dos ataques os alunos acabam por ser todos para uma estância de esqui com o intuito de serem protegidos por imensos guardiães e poderem passar a época festiva com os seus familiares. A partir daí desenrola-se alguma parte da acção presente na obra…
Este livro aproxima-se do primeiro deixando-me um pouco na dúvida de qual se trata do melhor. Se formos a ver momentos mais românticos e escaldantes talvez o primeiro seja o eleito por causa daquela cena entre a Rose e o Dimitri; se nos centrarmos no campo mais sentimental ganha este devido ao triste final que magoa e marca Rose para toda a vida; em termos de ser mais negro talvez seja este pela morte de todos aqueles seres e do rapto lá mais para o final que aterroriza algumas personagens…
Se ficaste com o bichinho não hesites em começar a ler esta colecção. Se leste o primeiro e adoraste, de que estás à espera?

1 Comment:

  1. eduarda arrais said...
    estou ansiosa para os ler a todos!

Post a Comment